Dízimo

img

Ser Dizimista

Se você deseja tornar-se dizimista de sua Comunidade, faça essa experiência com Deus. Esse é o desafio de todo católico que tem seu ganho, seu salário. Façamos a nossa parte devolvendo o dízimo com fé, generosidade e amor. O fruto do meu trabalho, meu suor, mas que Deus também tem parte através das necessidades da minha Comunidade e a ajuda aos necessitados.

PROCURE A EQUIPE DE DÍZIMO DE SUA COMUNIDADE PARA PREENCHER SEU CADASTRO.

 

 Dízimo

É o Gesto concreto de agradecimento a Deus e ajuda aos irmãos que mais necessitam. “Amarás a Deus de todo o seu coração e o próximo como a ti mesmo” (Mt 22,37). A palavra de Deus também nós diz: “Honra ao Senhor com teus bens e com as primícias de toda tua renda” (Pr 3,9). Nós honramos a Deus com nossos bens, quando reconhecemos que Deus tem parte naquilo que temos e produzimos. Esse reconhecimento acontece no momento em que devolvemos o dízimo. Devolver o dízimo é simplesmente um gesto de gratidão a Deus. Dízimo não é taxa ou imposto que se paga para obter direitos na Igreja. Dízimo é prioridade do Senhor.

“Todo o dízimo tirado das sementes da terra ou dos frutos das arvores são prioridades do Senhor são consagradas ao Senhor” (Lev 27,30).

A palavra nos mostra que em tudo o que produzimos existe dízimo. Existe uma parte que não é nosso e que a Bíblia chama de prioridade do Senhor. Não devolver o dízimo é se apossar de algo que não é nosso. Pois se temos é graças a ELE que nos permite produzirmos para obtermos.

A devolução do dízimo deve ser feita com espiritualidade, mística, oração e fé. Não deve ser feito simplesmente como um pagamento.

img2